Saltar para o conteúdo

(IN)Capazes

Este projeto surgiu da parceria de estágios com a ESE (Escola Superior de Educação) do Porto que originou a colocação de um par de estágio de Educação Social na Associação no ano letivo de 2020/2021. Devido à pandemia, com os projetos e as respostas paradas, foi sentida a necessidade de juntar os participantes e perceber quais os seus desejos e vontades. Percebemos que todos eles têm uma história para contar e que são testemunhos reais de que todos somos capazes de muito independentemente de qualquer particularidade.

O grupo tem esta vontade e finalidade de lutar pela igualdade de direitos e por uma sociedade mais inclusiva e conhecedora da diferença como algo positivo!

O nome (IN)Capazes permite fazer referência à Associação IN e, simultaneamente, brincar com as palavras incapazes e capazes. A primeira leitura acreditamos saltar mais à vista e permite-nos, em tom de crítica, fazer as pessoas refletir sobre o rótulo que automaticamente colocam sob as pessoas com deficiência e/ou incapacidade (PCDI). Já a segunda leitura transmite a mensagem que o projeto pretende passar à comunidade, que é precisamente que consigam olhar as PCDI para além de diagnósticos e de rótulos pré-definidos.

O (IN)Capazes é um projeto de advocacia social, uma vez que anuncia e denuncia as realidades injustas pelas quais estas pessoas passam. Pessoas estas como atores sociais em desenvolvimento e em transformação que agem também como motores de transformação social.

Temos dois principais objetivos na base de todas as nossas iniciativas:

– Potenciar o desenvolvimento pessoal e grupal dos sujeitos participantes

– Permitir que os participantes sejam agentes de mudança e de transformação social da comunidade (capacitando a mesma para a inclusão e igualdade de direitos)